Será o Glifosato do Pesticida Roundup da Monsanto Seguro?

Níveis mais elevados de pesticidas na soja transgénica são uma preocupação após ter-se demonstrado que o Roundup da Monsanto tem efeitos adversos nos tecidos de placenta humana.

Notas do Dr. Michael Greger

O que é o glifosato? Vejam a “prequela” deste vídeo, Serão os OGMs Seguros? O Caso da Soja Roundup Ready (Legendado em Português). Antes disso, vimos o milho transgénico: Serão os OGMs Seguros? O Caso do Milho BT (Legendado em Português).

É a dose o que faz o veneno, contudo. Temos evidência de que os níveis de químicos do Roundup, não apenas encontrados nas culturas mas também nos nossos corpos após termos comido dessas culturas, têm de facto efeitos adversos? Esse é o tema do último episódio desta série de vídeos sobre OGMs, Soja Transgénica e Cancro da Mama. (Para não os perderes, podes subscrever às novas publicações aqui)

Os interesses comerciais podem ter um efeito corruptor na ciência da nutrição e manter controlo sobre as instituições que supostamente deviam operar no interesse público. Vejam por exemplo:

Conflitos de Interesses na Academia de Nutrição e Dietética (Legendado em Português)
Seeing Red No. 3: Coloring to Dye For
The McGovern Report
Dietary Guidelines: Advisory Committee Conflicts of Interest
Food Industry “Funding Effect”

Se ainda não o fizeram, podem subscrever aos novos vídeos aqui

Fontes citadas

T Bohn, M Cuhra, T Traavik, M Sanden, J Fagan, R Primicerio. Compositional differences in soybeans on the market: glyphosate accumulates in Roundup Ready GM soybeans. Food Chem. 2014 Jun 15;153:207-15.

A L Williams, R E Watson, J M DeSesso. Developmental and reproductive outcomes in humans and animals after glyphosate exposure: a critical analysis. J Toxicol Environ Health B Crit Rev. 2012;15(1):39-96.

N Benachour, H Sipahular, S Moslemi, C Gasnier, C Travert, G E Seralini. Time- and dose-dependent effects of roundup on human embryonic and placental cells. Arch Environ Contam Toxicol. 2007 Jul;53(1):126-33.

S Richard, S Moslemi, H Sipahular, N Benachour, G E Seralini. Differential effects of glyphosate and roundup on human placental cells and aromatase. Environ Health Perspect. 2005 Jun;113(6):716-20.

J Marc, O Mulner-Lorillon, S Boulben, D Hureau, G Durand, R Belie. Pesticide Roundup provokes cell division dysfunction at the level of CDK1/cyclin B activation. Chem Res Toxicol. 2002 Mar;15(3):326-31.

<

L P Walsh, C McCormick, C Martin, D M Stocco. Roundup inhibits steroidogenesis by disrupting steroidogenic acute regulatory (StAR) protein expression. Environ Health Perspect. Aug 2000; 108(8): 769–776.

V L de Liz Oliveira Cavalli, D Cattani, C E Heinz Rieg, P Pierozan, L Zanatta, E Benedetti Parisotto, D Wilhelm Filho, F R Mena Barreto Silva, R Pessoa-Pureur, Z Zamoner. Roundup disrupts male reproductive functions by triggering calcium-mediated cell death in rat testis and Sertoli cells. Free Radic Biol Med. 2013 Dec;65:335-46.

R M Romano, M A Romano, M M Bernardi, P V Furtado, C A Oliveira. Prepubertal exposure to commercial formulation of the herbicide glyphosate alters testosterone levels and testicular morphology. Arch Toxicol. 2010 Apr;84(4):309-17.

R Mesnage, N Defarge, J Spiroux de Vendomois, G E Seralini. Major Pesticides Are More Toxic to Human Cells Than Their Declared Active Principles. Biomed Res Int. 2014; 2014: 179691.

Recolher Fontes

Desenrole a Transcrição aqui

Será o Glifosato do Pesticida Roundup da Monsanto Seguro?

A soja transgénica tem sido encontrada contaminada com resíduos de pesticidas, mas serão estes níveis algo para nos preocupar? Os pesquisadores descreveram esses níveis como “altos”, mas em comparação com o quê? Em comparação com os níveis máximos de resíduos permitidos. O limite legal para o glifosato em alimentos tinha sido fixado em 0,1 a 0,2 mg/kg, Ok, então talvez esses níveis sejam elevados, excedendo os limites legais em cerca de 2000%, enquanto que ambas a soja orgânica e a convencional não-OMG tinham nenhum. Então, o que fez a Monsanto? Será que a indústria abandonou a coisa toda dos OGM, voltou a usar menos pesticidas, de modo a que os níveis de resíduos não fossem tão altos? Ou, eles poderiam simplesmente mudar a definição de altos. E se eles conseguissem que as autoridades levantassem o limite máximo de resíduos de 0,1 ou 0,2 até,digamos, 20? Então os níveis de resíduos já não pareceriam tão altos. Problema resolvido. O nível aceite de glifosato na alimentação humana e animal, tinha sido aumentado peas autoridades em países que usam culturas de OGMs Roundup Ready. No Brasil subiram para 10 e os EUA e a Europa agora aceitam até 20. Em todos estes casos, os valores dos níveis de resíduo máximo parecem ter sido ajustados não baseados numa qualquer nova evidência que indicasse que a toxicidade do glifosato era menor do que se pensava anteriormente, mas pragmaticamente em resposta a aumentos reais observados no teor de resíduos em feijões de soja OGM, caso contrário, não seria legal vender-se a coisa. Que provas temos, porém, de que esses tipos de resíduos são prejudiciais? Durante 12 anos ouvimos dizer que o roundup interfere com o desenvolvimento embrionário, mas o estudo era sobre embriões de ouriço do mar. Há 14 anos que sabemos que o Roundup pode alterar hormonas, mas isso é em testículos de rato. Blogs vão bisbilhotar cerca de novos estudos implicando o roundup na fertilidade masculina, mas se olhar-mos para o estudo, trata-se de testículos de ratos. Alguns blogs citam estudos com títulos inquietantes como ‘Exposição na pré-puberdade altera os níveis testiculares e a forma dos testículos’, mas eles estão a falar da puberdade em ratos, apesar de essa parte não fazer um título de blog tão cativante. Por que não usar tecido humano? As mulheres estão a ter filhos todos os dias, porque não simplesmente experimentar em placentas humanas, que de outra forma seriam apenas postas fora? E em 2005, pesquisadores fizeram exatamente isso. E apesar de todos os efeitos negativos em roedores, o glifosato, o ingrediente activo em Roundup, não pareceu ter muito efeito tóxico sobre as células humanas, mesmo em doses elevadas. ou ter muito efeito sobre enzimas que regulam hormonas, levando os revisores financiados pela Monsanto a concluir que, independentemente de que riscos possam ser alegados com base em estudos com animais, não é esperado que o glifosato produza efeitos adversos no desenvolvimento ou reprodução em humanos. Mas o glifosato puro não é pulverizado sobre as culturas, o Roundup é que é, que contém uma variedade de adjuvantes e tensoactivos destinados a ajudar a glifosato a penetrar nos tecidos. E, de fato, quando o estudo foi repetido com o que realmente está a ser pulverizado em culturas de OGM, houve efeitos tóxicos e hormonais, mesmo em doses menores do que a concentração de 1 ou 2%, que é usada nos campos. Resultados semelhantes foram encontrados para outros pesticidas importantes. Demorou até 2014, mas 8 das 9 formulações de pesticidas testadas eram até 1000 vezes mais tóxicas do que os seus chamados princípios ativos. Então, apenas testar as substâncias químicas isoladamente pode não revelar a história toda. Descobriu-se que o Roundup era 100 vezes mais tóxico do que o próprio glifosato. Além disso, o Roundup acabou por revelar-se como estando entre os pesticidas mais tóxicos que eles testaram. É crença comum que o Roundup está entre os mais seguros, contudo, uma idéia espalhada pela Monsanto, o fabricante. No entanto, esta inconsistência entre fato científico e elegação da indústria pode ser atribuída aos enormes interesses económicos envolvidos.”Recolher Transcrição

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *