Evitando a Exposição a Ftalatos

Comendo uma dieta à base de plantas, e evitando produtos de cuidados pessoais com fragrâncias e certos brinquedos para crianças e adultos, pode reduzir a exposição a químicos disruptores hormonais.

Se ainda não o fizeram, podem subscrever aos novos vídeos aqui

Notas do Dr. Michael Greger

Que bem para a Agência de Proteção Ambiental Dinamarquesa e o Instituto Tecnológico Dinamarquês! É me difícil imaginar um estudo semelhante a ser feito com dinheiro dos impostos aqui nos Estados Unidos.

Mais sobre químicos disruptores endócrinos nos nossos alimentos:

Mais vídeos sobre melhorar a saúde sexual podem ser encontrados em:

 

Tem uma questão para o Dr. Greger sobre este vídeo? Deixe-a na secção de comentários do original Avoiding Adult Exposure to Phthalates e ele procurará responder-lhe!

Fontes citadas

M L North, T K Takaro, M L Diamond, A K Ellis. Effects of phthalates on the development and expression of allergic disease and asthma. Ann Allergy Asthma Immunol. 2014 Jun;112(6):496-502.

N H Nilsson, B Malmgren-Hansen, N Berth, E Pedersen, K Pommer. Survey and health assessment of chemicals substances in sex toys. Survey of Chemical Substances in Consumer Products, No. 77 2006.

K JI, Y L Kho, Y Park, K Choi. Influence of a five-day vegetarian diet on urinary levels of antibiotics and phthalate metabolites: a pilot study with “Temple Stay” participants. Environ Res. 2010 May;110(4):375-82.

H C Erythropel, M MAric, J A Nicell, R L Leask, V Yargeau. Leaching of the plasticizer di(2-ethylhexyl)phthalate (DEHP) from plastic containers and the question of human exposure. Appl Microbiol Biotechnol. 2014 Dec;98(24):9967-81.

E S Barrett, L E Parlett, C Wang, E Z Drobnis, J B Redmon, S H Swan. Environmental exposure to di-2-ethylhexyl phthalate is associated with low interest in sexual activity in premenopausal women. Horm Behav. 2014 Nov;66(5):787-92.

T Okubo, T Suzuki, Y Yokoyama, K Kano, I Kano. Estimation of estrogenic and anti-estrogenic activities of some phthalate diesters and monoesters by MCF-7 cell proliferation assay in vitro. Biol Pharm Bull. 2003 Aug;26(8):1219-24.

J T Brophy, M M Keith, A Watterson, R Park, M Gilbertson, E Maticka-Tynadale, M Beck, H Abu-Zahra, K Schneider, A Reinhartz, R Dematteo, I Luginaah. Breast cancer risk in relation to occupations withexposure to carcinogens and endocrinedisruptors: a Canadian case–control study. Environ Health. 2012 Nov 19;11:87.

J M Braun, S Sathyanarayana, R Hauser. Phthalate exposure and children’s health. Curr Opin Pediatr. 2013 Apr;25(2):247-54.

F P Chen, M H Chien. Lower concentrations of phthalates induce proliferation in human breast cancer cells. Climacteric. 2014 Aug;17(4):377-84.

C Desdoits-Lethimonier, O Albert, B Le Bizec, E Perdu, D Zalko, F Courant, L Lesne, F Guille, N Dejucq-Rainsford, B Jegou. Human testis steroidogenesis is inhibited by phthalates. Hum Reprod. 2012 May;27(5):1451-9.

E Diamanti-Kandarakis, J P Bourguignon, L C Giudice, R Hauser, G S Prins, A M Soto, R T Zoeller, A C Gore. Endocrine-disrupting chemicals: an Endocrine Society scientific statement. Endocr Rev. 2009 Jun;30(4):293-342.

L P Bustamante-Montes, M A Hernandez-Valero, D Flores-Pimentel, M Garcia-Fabila, A Amaya-Chavez, D B Barr, V H Borja-Aburto. Prenatal exposure to phthalates is associated with decreased anogenital distance and penile size in male newborns. J Dev Orig Health Dis. 2013 Aug;4(4):300-6.

K M Main, G K Mortensen, M M Kaleva, K A Boisen, I N Damgaard, M CHellakooty, I M Schmidt, A M Suomi, H E Virtanen, D V Petersen, A M Andersson, J Toppari, N E Skakkebaek. Human breast milk contamination with phthalates and alterations of endogenous reproductive hormones in infants three months of age. Environ Health Perspect. 2006 Feb;114(2):270-6.

D J Watkins, M M Tellez-Rojo, K K Ferguson, J M Lee, M Solano-Gonzalez, C Blank-Goldenberg, K E Peterson, J D Meeker. In utero and peripubertal exposure to phthalates and BPA in relation to female sexual maturation. Environ Res. 2014 Oct;134:233-41.

G Pan, T Kanaoka, M Yoshimura, S Zhang, P Wang, H Tsukino, K Inoue, H Nakazawa, S Tsugane, K Takahashi. Decreased serum free testosterone in workers exposed to high levels of di-n-butyl phthalate (DBP) and di-2-ethylhexyl phthalate (DEHP): a cross-sectional study in China. Environ Health Perspect. 2006 Nov;114(11):1643-8.

J D Meeker, A M Calafat, R Hauser. Urinary metabolites of di(2-ethylhexyl) phthalate are associated with decreased steroid hormone levels in adult men. J Androl. 2009 May-Jun;30(3):287-97.

B A Jonsson, J Richthoff, L Rylander, A Giwercman, L Hagmar. Urinary phthalate metabolites and biomarkers of reproductive function in young men. Epidemiology. 2005 Jul;16(4):487-93.

R T Mitchell, A J Childs, R A nderson, S van den Driesche, P T Saunders, C Mckinnell, W H Wallace, C J Kelnar, R M Sharpe. Do phthalates affect steroidogenesis by the human fetal testis? Exposure of human fetal testis xenografts to di-n-butyl phthalate. J Clin Endocrinol Metab. 2012 Mar;97(3):E341-8.

H M Koch, M Lorber, K L Christensen, C Palmke, S Koslitz, T Bruning. Identifying sources of phthalate exposure with human biomonitoring: results of a 48h fasting study with urine collection and personal activity patterns. Int J Hyg Environ Health. 2013 Nov;216(6):672-81.

Recolher Fontes

Desenrole a Transcrição aqui

Evitando a Exposição a Ftalatos

A maior parte da atenção sobre os ftalatos, um grupo de químicos que causam desregulação hormonal encontrados em plásticos de PVC, tem sido quanto à saúde do feto da criança, particularmente em relação ao desenvolvimento genital e comportamental tais como virilização incompleta em meninos bebés e um jogo masculino reduzido quando crescem, e para as meninas um início mais precoce da puberdade. Mas e quanto ao afetar da função hormonal em adultos? Homens expostos a elevados níveis de ftalato apresentam níveis mais baixos de testosterona, mas isso era para trabalhadores numa fábrica de plásticos. Na população em geral, a evidência é mista. Um estudo realizado na Suécia de homens nos seus 20 anos não encontrou nenhum efeito sobre a testosterona, enquanto que um estudo nos EUA em homens nos seus 30 anos sim, em níveis de exposição muito menores do que os trabalhadores da fábrica. Quando existem evidências em conflito, como estas, Idealmente, colocá-lo-íamos à prova, mas não se pode, eticamente, expor as pessoas, logo, os cientistas apareceram com métodos complicados como implantar os testículos de fetos humanos em ratos para mantê-los a crescerem, mas nós queremos saber os efeitos sobre os testículos de adultos, que são mais difíceis de adquirir … até agora. O consentimento foi obtido de todos os doadores. Agora, já ouvi falar de doadores de sangue, mas isto é um outro nível. Não, eles obtiveram os testículos de pacientes com cancro da próstata que foram submetidos a castração para controlarem a doença. E realmente eles conseguiram obter provas directas de que os ftalatos podem inibir a produção de testosterona nos tipos de níveis que se vê em estudos da população em geral. E quanto a cancro da mama, o principal cancro assassino em mulheres jovens? Mulheres que trabalham em plásticos automotivos e de conservas estão com cinco vezes mais chances de cancro da mama, sugerindo uma ligação, mas numa placa de Petri, pelo menos, os ftalatos não pareceram acelerar o crescimento do cancro da mama nos níveis baixos de exposição que são esperados na população em geral, mas mais recentemente descobriu-se que estimula o crescimento de células de cancro da mama in vitro nos níveis encontrados em circulação nos corpos de muitas mulheres. Portanto, a dose máxima tolerável estabelecida pelos governos devia ser reavaliada. Como evitar a coisa? Bem, quando se pensa em químicos de plástico, pensa-se em garrafas de água, mas elas parecem desempenhar apenas um papel menor a maioria vem dos alimentos. Como sabemos? Bem, se se pegar em pessoas e os fizermos parar de comer por alguns dias, obtém-se uma queda significativa na quantidade de ftalatos que saem na sua urina. O jejum não é exatamente sustentável, contudo. Felizmente podemos ver quedas semelhantes apenas ao comer-se uma dieta à base de plantas durante alguns dias, o que nos dá uma pista de onde a maioria dos ftalatos se encontram. Embora houvessem alguns casos de picos durante o período de jejum após duches, sugerindo contaminação em produtos de cuidados pessoais. Assim, podemos aconselhar os pacientes a reduzirem as exposições a ftalato ao evitarem o uso de produtos de cuidado pessoal perfumados, sabão e cosméticos, uma vez que os ftalatos são usados ​ como um portador de fragrância. Os ftalatos também podem ser encontrados em brinquedos para crianças, bem como … brinquedos para adultos. Em nome da Agência Dinamarquesa de Proteção Ambiental, o Instituto Tecnológico Dinamarquês fez inquéritos sobre padrões de consumo, para ver que tipo de exposição se pode ter com base nos piores cenários. Aqueles que trabalham atrás dos balcões em sex shops provaram possuir muito pouco conhecimento sobre as especificações dos materiais e assim tiveram que fazer os seus próprios testes. Acontece que a “geleia” é PVC plastificado – até dois terços de ftalatos por peso. Embora o uso de lubrificantes à base de água possa reduzir os riscos para a saúde em 100 vezes, ainda assim podem vir a ter o oposto do efeito pretendido. As mulheres com os níveis mais elevados de ftalatos a fluírem nos seus corpos tinham mais de duas vezes e meia as probabilidades de relatarem uma falta de interesse na atividade sexual. E estas não eram mulheres numa fábrica de conservas, mas com níveis de exposição típicos na América. Nutrição em Factos, a mais recente pesquisa em nutrição. Publicações em Português em Nutricao-em-fatos.org
Recolher Transcrição

Imagem graças a hiromitsu morimoto via Flickr.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *